TechMestre - Tecnologia sob medida
TechMestre >>
Curiosidades
>>
Bebê não pode comer após nascer com intestino desenvolvendo-se fora de seu corpo
Imagem para Bebê não pode comer após nascer com intestino desenvolvendo-se fora de seu corpo

Bebê não pode comer após nascer com intestino desenvolvendo-se fora de seu corpo


30/08/2014 07h00 - Atualizado em 29/08/2014 14h34

Georgia Diamond nunca colocou alimentos em sua boca, depois de nascer com intestino fora do corpo.


Uma menina de 23 meses de vida não podem comer, porque nasceu com os intestinos crescendo fora de seu corpo.

Georgia Diamond nunca colocou um pedaço de comida na boca, resultado da condição gastrosquise.

Ela é alimentada por um tubo ligado ao estômago, e tem que carregar uma mochila contendo medicamentos e alimentos. 

Georgia Diamond nunca colocou alimentos em sua boca, depois de nascer com intestino fora do corpo

Georgia enfrentou várias operações desde que nasceu, para tentar corrigir o problema, mas só poderá comer corretamente se conseguir realizar um transplante de intestino.

Mesmo assim, a criança, que vive em Newport, no País de Gales, terá que esperar pelo menos dois anos antes de especialistas do Hospital da Criança de Birmingham conseguirem realizar o procedimento.

O hospital é um dos dois únicos no mundo onde a operação está disponível.

A mãe de Georgia, Lisa James, 26 anos, disse: "Estamos desesperadamente na esperança de encontrar uma maneira de alimentá-la, já que ela precisa ser alimentado por sonda no momento.”

Gastrosquise de Geórgia fez com que sua mãe não conseguisse amamentar a filha. Em vez de começar a ingerir como outros bebês, a criança foi alimentada através de um tubo pelo nariz desde o nascimento.

Durante os primeiros 14 meses de sua vida, Georgia ficou no Hospital da Criança Arca Noé no País de Gales.

Em junho, os médicos tentaram estimular o intestino a trabalhar. Mas a menina de 23 meses de idade ainda tem dois tubos levando nutrientes diretamente ao seu estômago e intestino delgado.

A sonda de gastrostomia substituiu o tubo em seu nariz, e um tubo de jejuno vai direto para o intestino.

Ela teve sete operações e conseguiu voltar para casa com James e seu pai, Scott Diamond, em novembro do ano passado.

Mesmo assim em junho ela teve que voltar ao hospital, por conta de complicações.

"Ela ainda não está se alimentando, e por isso estamos indo de volta para Birmingham na próxima semana, para testes para ver porque a última tentativa não deu certo", disse a mãe.
Fonte: Daily Mail
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba as últimas novidades:

Twitter
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba novidades:

MAIS LIDAS