TechMestre - Tecnologia sob medida
TechMestre >>
Curiosidades
>>
Marido mata ex-mulher ateando fogo depois dela se recusar reatar relação
Imagem para Marido mata ex-mulher ateando fogo depois dela se recusar reatar relação

Marido mata ex-mulher ateando fogo depois dela se recusar reatar relação


30/03/2015 08h05

Alexander Efimov, de 33 anos, pôs fogo na ex-mulher, Ana, de 25, e preso, julgado e condenado à 18 anos de trabalhos forçados.


Um homem matou sua ex-esposa incinerada com gasolina dentro de um supermercado e acabou sendo preso e condenado.

O ataque foi protagonizado por Alexander Efimov, de 33 anos, e teve sua ex-mulher Ana, de 25 anos, como vítima fatal. O caso chocante ocorreu na Rússia.

Alexander foi conversar com a ex no supermercado em que ela trabalhava, em março do ano passado, a fim de tentar reatar o relacionamento que teve fim em 2011. 

Alexander Efimov, de 33 anos, pôs fogo na ex-mulher, Ana, de 25, e preso, julgado e condenado à 18 anos de trabalhos forçados

Ele havia ingerido bastante vodka (três vezes mais que o limite que um condutor pode beber no país).

Quando ela se recusou a reatar, ele, inesperadamente, despejou gasolina sobre o corpo da ex e ateou fogo.

As câmeras do supermercado captaram o momento.

Ana foi socorrida por um outro homem, que ajudou a apagar as chamas. Paramédicos foram chamados e levaram-na para um hospital local.

Infelizmente ela morreu um dia depois devido aos ferimentos do ataque brutal do ex-marido.

O tribunal condenou Alexander a 18 anos de trabalhos forçados.

Fonte: Daily Mail
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba as últimas novidades:

Twitter
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba novidades:

MAIS LIDAS