TechMestre - Tecnologia sob medida
TechMestre >>
Curiosidades
>>
Mulher sofre graves ferimentos no rosto após ser agredida por taxista quando percebeu que não tinha dinheiro para pagar corrida
Imagem para Mulher sofre graves ferimentos no rosto após ser agredida por taxista quando percebeu que não tinha dinheiro para pagar corrida

Mulher sofre graves ferimentos no rosto após ser agredida por taxista quando percebeu que não tinha dinheiro para pagar corrida


13/08/2014 07h53

Vítima estava junta de amiga e foram levadas para rua deserta antes do ataque.


Uma mulher sofreu ferimentos graves depois que um taxista lhe deu um soco no rosto. O incidente ocorreu depois que ela percebeu que estava sem dinheiro para pagar pela corrida.

Jess Rowles, de 24 anos, afirmou ter sido agredida pelo motorista de táxi em uma rua isolada. Ela teria dito ao condutor que não tinha dinheiro suficiente para pagar a tarifa cobrada quando ele a levou até sua casa em 27 de julho deste ano.

A mulher tinha saído para beber com uma amiga no centro da cidade de Bristol, e estava à caminho de casa por volta das 2h30 da manhã. O motorista supostamente trancou as portas do carro com as duas passageiras antes de dirigir até a rua deserta.

A vítima teria pedido a ele para parar em um ponto anterior, quando percebeu que estava sem dinheiro. No entanto, ele levou as duas até uma rua sem movimento, a quilômetros de sua residência, antes de agredir Rowles.

A mulher contou que as duas tinha a quantia de 14 libras, mas a corrida teria um custo de 20 libras. “Pedimos para ele nos levar a um certo ponto. Ele se recusou, nos trancou dentro do carro e disse que estava nos levando de volta para onde havíamos entrado no táxi”, contou a vítima. “Mas, na verdade, ele nos despejou em outra rua, que estava escura. Para ser honesta ficamos felizes de conseguirmos sair do carro”, continuou. 

Mulher sofre graves ferimentos no rosto após ser agredida por taxista quando percebeu que não tinha dinheiro para pagar corrida

Foi então que o homem agrediu Rowles com um soco. “Ele me bateu com muita força, porque me derrubou no chão e bati meu rosto na calçada”, concluiu.

As mulheres chamaram os serviços de emergência. A polícia levou a vítima a um hospital, onde recebeu diversos pontos nos lábios e queixo.

Os oficiais não conseguiram encontrar o acusado. A polícia local encerrou as investigações por falta de provas, deixando a mulher indignada.
Fonte: Daily Mail
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba as últimas novidades:

Twitter
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba novidades:

MAIS LIDAS