TechMestre - Tecnologia sob medida
TechMestre >>
Curiosidades
>>
Pai mata bandido após roubar Iphone de seu filho
Imagem para Pai mata bandido após roubar Iphone de seu filho

Pai mata bandido após roubar Iphone de seu filho


05/08/2014 10h10 - Atualizado em 06/08/2014 07h29

Derek Grant localizou e matou bandido Patrick Bradley, que roubou o Iphone de seu filho usando uma faca, o matando em vingança.


Um pai chamado Derek Grant matou o bandido Patrick Bradley, de 29 anos, depois que ele roubou o Iphone de seu filho, usando uma faca durante o assalto.

Derek Grant rastreou Patrick através de um aplicativo que revelou a localização do aparelho.

Ele confrontou Patrick, que o esfaqueou no olho esquerdo. Em seguida o homem esfaqueou repetidamente o ladrão, que morreu depois de uma parada cardíaca. 

Derek Grant localizou e matou bandido Patrick Bradley, que roubou o Iphone de seu filho usando uma faca, o matando em vingança.

Derek admitiu o homicídio culposo na Alta Corte de Glasgow.

A tragédia aconteceu no dia 30 de agosto do ano passado, quando o filho de Derek, Jordan, de 20 anos, foi roubado por Patrick em Greenock, no caminho do trabalho para casa.

Jordan foi para casa e contou a seu pai, que descobriu a localização do iPhone graças a um aplicativo ativado no aparelho.

O pai, em seguida, deixou sua casa com seus dois filhos mais novos, Lee, de 17 anos, e Jaime de 16.

Eles avistaram Patrick, que tinha um histórico significativo de violência, e o pai disse-lhe para devolver o telefone.

Patrick o atacou e esfaqueou seu olho esquerdo. Derek revidou e esfaqueou repetidamente o ladrão com uma faca que ele havia tirado de casa para se proteger durante o encontro.

Pai de quatro filhos, Derek perdeu a visão do olho esquerdo, foi preso e mais tarde disse: "Gostaria de declarar para o registro que no momento do incidente eu estava agindo em legítima defesa."

Ele enfrentou uma acusação de assassinato, mas os promotores aceitaram a sua confissão de culpa à carga reduzida de homicídio culposo.

Seus três filhos também foram acusados de assassinato, mas seus fundamentos de não serem culpados foram igualmente aceitos.
Fonte: Mirror
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba as últimas novidades:

Twitter
Cadastre seu email e receba novidades!

Cadastre seu email e receba novidades:

MAIS LIDAS